Início Esporte Tubarão vence o São Bento e mantém sonho de disputar a Série...

Tubarão vence o São Bento e mantém sonho de disputar a Série A

245
0
COMPARTILHAR

Felipe Marques comemora o primeiro gol do Londrina

A noite deste sábado (13) foi boa para o Londrina Esporte Clube (LEC). Além da vencer o São Bento (SP) por 2 a 1 no Estádio do Café, o Tubarão foi favorecido pelos resultados do fechamento da 31.a rodada do Campeonato Brasileiro da Série B e manteve o sonho de chegar ao G-4. A situação ainda é difícil: o LEC é o oitavo colocado, com 44 pontos, e está a seis pontos do grupo dos quatro clubes que terão direito a vaga na Série A em 2018.

A presença do público foi prejudicada pelo tempo chuvoso e apenas cerca 1.300 torcedores assistiram à partida.

O Londrina fez um bom primeiro tempo e criou as melhores chances. A zaga do São Bento encontrou dificuldades para marcar os atacantes do Tubarão, principalmente Dagoberto, que embora atuasse de centroavante, saía da área e atraia a marcação. Aos 14 minutos, em escanteio cobrado pelo próprio Dagoberto, o goleiro rebateu e Felipe Marques aproveitou a sobra, na entrada da área, batendo forte para fazer 1 a 0.

O São Bento criou uma boa chance em contra-ataque pela esquerda, mas os atacantes não conseguiram desviar para o gol a bola que cruzou perigosamente toda a área. No final da primeira etapa, após cobrança de escanteio da direita, o zagueiro Lucas Costa foi agarrado por Tony dentro da área e o árbitro Alinor Silva da Paixao (MT) marcou pênalti. Aos 47 minutos, Dagoberto cobrou e fez seu 13.o gol no campeonato, ficando com apenas um gol a menos que Lucão, do Goiás, artilheiro da Série B.

O São Bento voltou melhor para o tempo e logo aos 4 minutos, Francis teve boa oportunidade para diminuir, mas bateu para fora. Aos 11 minutos, Dagoberto perdeu uma bola no ataque e na tentativa de recuperação, deu carrinho e acertou o adversário. Recebeu o terceiro cartão amarelo e não enfrentará o Sampaio Corrêa na próxima rodada.

O São Bento partiu para a pressão e, aos 14 minutos, o atacante Cléo Silva, que havia acabado de entrar no lugar de Dudu Vieira, pegou uma sobra à frente do goleiro Alan, mas atrapalhou-se na conclusão. O Londrina preocupava-se mais em defender do que atacar e acabou sofrendo o castigo: aos 22 minutos, após cruzamento da esquerda, Alan rebateu para o meio da área e Tony diminuiu: 2 a 1. O técnico Marquinhos Santos já havia preparado uma substituição e Celsinho (ex-meia do Londrina) entrou no lugar de Gabriel Vasconcelos.

O LEC acordou e num contra-ataque puxado por Felipe Marques, Moccelin cruzou e Dagoberto perdeu uma ótima chance, batendo em cima do goleiro Rodrigo Viana. O técnico Roberto Fonseca substituiu Paulinho Moccelin por Thiago Ribeiro e, logo depois, colocou Carlos Henrique no lugar de Dagoberto, renovando o ataque. O jogo ficou mais aberto e equilibrado. Aos 39 minutos, Higor Leite deixou o campo para a entrada de outro meia, Dudu. Antes do final, cada uma das equipes ainda criou oportunidade de gol, mas os goleiros defenderam.

Na próxima rodada, o Londrina enfrenta o Sampaio Corrêa (MA), sábado (20), no Castelão, em São Luiz.

LONDRINA: Alan; Lucas Ramon, Dirceu, Lucas Costa e Sávio; João Paulo, Jardel e Higor Leite (Dudu); Felipe Marques, Paulinho Moccelin (Thiago Ribeiro) e Dagoberto (Carlos Henrique). Técnico: Roberto Fonseca.

SÃO BENTO: Rodrigo Viana; Tony, Luizão, Anderson Salles e Marcelo Cordeiro; Fábio Bahia, Dudu Vieira, Fabio Bahia (Zezinho) e Roni (Cléo Silva); Francis e Gabriel Vasconcelos (Celsinho). Técnico: Marquinhos Santos.

(Foto:  Gustavo Oliveira/LEC/Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor entre com seu nome aqui