Início Cidade e Região O que fazer no Carnaval? Estudar para o vestibular!

O que fazer no Carnaval? Estudar para o vestibular!

209
0
COMPARTILHAR

Parece brincadeira, mas é verdade! Muitos alunos focados em entrar numa universidade vão passar o Carnaval estudando, embora as provas sejam somente no fim do ano! Os colégios estarão fechados, não haverá aulas, mas a opção dos estudantes é o cursinho virtual. A EducaMaker, startup londrinense que consiste numa plataforma inteligente de ensino, é um dos meios pelos quais é possível assistir aulas, fazer exercícios e simulados enquanto se está de folga em casa.

“Oferecemos aos alunos 1,1 mil aulas, 10 mil atividades e centenas de simulados, com todo o conteúdo do ensino médio dividido em fases”, ressalta o professor Tiago Mariano, coordenador pedagógico da EducaMaker. Os pacotes variam entre R$ 108 a R$ 1.440 anuais, dependendo do tipo de serviço contratado. Mas, alguns alunos não pagam nada para estudar. É o caso do Luan da Silva Santos, de 18 anos, morador de Cambé e aluno do terceiro ano do ensino médio no Colégio Estadual Olavo Bilac.

Luan é um dos estudantes beneficiados pelo Programa Adote um Aluno, lançado pela EducaMaker em que empresários bancam os estudos de uma determinada quantidade de alunos. Cada empresário desembolsa R$ 70 por aluno no ano. A partir daí, o estudante tem acesso às aulas e a todos os materiais produzidos pela plataforma. “Eu achei um ensino muito bom para me preparar para o Enem e me ajudar a fazer o vestibular. Quero fazer Biologia, vou tentar fazer UEL [Universidade Estadual de Londrina] e tentar o Enem”, explica.

O que ele vai fazer no Carnaval? “Vou ficar estudando”, diz. Afinal, as aulas podem ser assistidas a qualquer hora de qualquer lugar conectado à internet. E tantos outros alunos já foram adotados pelo programa. Situações possíveis por iniciativas de empresários como o Marco Pacheco, da State Office Coworking, empresa que adotou 25 alunos e está bancando as aulas e outros conteúdos desses estudantes. “Tenho toda a confiança no material e na estrutura da EducaMaker, que poderá levar ao aluno todas as informações necessárias para ele passar no vestibular ou Enem”, afirma Marco. Até agora, a EducaMaker tem cerca de 600 alunos contemplados.

Serviço: Os alunos que quiserem se inscrever no cursinho EducaMaker devem acessar o site www.educamaker.com.br

Para os empresários aderirem ao programa, basta entrar no site http://www.educamaker.com.br/portal/programa-adote-um-aluno/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor entre com seu nome aqui