Início Esporte Tubarão goleia o Athletico e está na semifinal da Taça Dirceu Kruger

Tubarão goleia o Athletico e está na semifinal da Taça Dirceu Kruger

38
0
COMPARTILHAR

Luquinha comemora o primeiro gol alviceleste (Foto: Gustavo Oliveira/LEC)

Com uma apresentação impecável no primeiro tempo, o Londrina Esporte Clube (LEC) goleou o Athletico Paranaense por 4 a 1, na tarde deste domingo (31), no Estádio do Café, e garantiu presença na semifinal da Taça Dirceu Kruger, segundo turno do campeonato estadual. O público total foi de 1.758 torcedores (1.556 pagantes).

O Tubarão terminou na segunda colocação do Grupo A e vai enfrentar o Coritiba, primeiro colocado do Grupo B (jogo único, em Curitiba). O Athletico, primeiro do Grupo A, jogará em casa com o Rio Branco, segundo colocado do Grupo B. O campeão do returno enfrentará o Toledo, vencedor do primeiro turno, na decisão do título paranaense de 2019.

O Londrina contou com a estreia do goleiro Matheus Albinon (que entrou no lugar de Alan) e teve também uma mudança no comando do ataque, com a entrada de Deivid no posto de Uélber. O Athletico, que utiliza no Campeonato Paranaense um time alternativo, havia vencido vários jogos por goleada.

Mas no primeiro tempo o Tubarão mandou na partida, com ótima atuação de Luquinha, que foi responsável pela abertura do placar logo aos 4 minutos. Depois de arrancar em contra-ataque do campo alviceleste, o jovem meia-atacante bateu de fora da área, com categoria, no canto direito do goleiro. A defesa atleticana dava muito espaço e o LEC chegou ao segundo gol aos 13 minutos, em um pênalti sofrido por Anderson Oliveira. O capitão Germano cobrou e fez 2 a 0. Aos 22, Marcelinho fez grande jogada e finalizou forte e o goleiro Gabriel fez ótimo defesa. O terceiro gol surgiu após cruzamento de Felipe Vieira da esquerda. A bola cruzou a área e Marcelinho apareceu do outro lado para tocar de carrinho para a rede, aos 29 minutos.

No segundo tempo, como era de se esperar esperava, o Athlético voltou disposto a diminuir o marcador e dominou as ações nos primeiros minutos. O goleiro Matheus Albino fez duas ótimas defesas, mas aos 13 minutos, não pode evitar o gol de Erick, que recebeu passe de Matheus Anjos dentro da área e tocou no canto direito. A resposta ofensiva do Tubarão só aconteceu aos 20 minutos, quando Luquinha tentou um golaço por cobertura, mas a bola foi para fora.

O técnico do Furacão, Rafael Guinaes, fez mudanças para deixar seu time mais ofensivo: colocou o artilheiro do campeonato, Bergson, no lugar de Poveda e substituiu Jaderson por Khellven. Já o treinador Alemão colocou Rômulo no lugar de Anderson Leite, substituiu Luquinha pelo zagueiro Marcondes e pôs Luidy no lugar de Marcelinho. O Londrina melhorou, acertou a trave com Deivid e ainda acabou chegando ao quarto gol com Luidy, aos 43 minutos.

O próximo compromisso do Tubarão será na quarta-feira (3), quando receberá o Botafogo (PB), no jogo de volta da decisão de uma vaga na quarta fase da Copa do Brasil. O Londrina venceu o primeiro jogo, em João Pessoa, por 2 a 0. Uma vitória simples e mesmo um empate classifica o time alviceleste. Se o Botafogo vencer por diferença de dois gols, a definição será nos pênaltis. Uma vitória por três gols de diferença dá a vaga para os paraibanos.

Londrina: Matheus Albino; Raí Ramos, Silvio, Augusto e Felipe Vieira; Germano, Anderson Leite (Rômulo) e Luquinha (Marcondes); Marcelinho (Luidy), Devid e Anderson Oliveira. Técnico: Alemão.

Athletico: Gabriel; Zé Ivaldo, Lucas Halter, Éder e Bruno Rodrigues; Christian, Erick, Abner (Luiz Fernando) e Matheus Anjos; Jaderson (Khellven) e Poveda (Bergson). Técnico: Rafael Guinaes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor entre com seu nome aqui