Início Cultura “O Rapto das Cebolinhas” chega ao Teatro do Clubinho

“O Rapto das Cebolinhas” chega ao Teatro do Clubinho

391
0
COMPARTILHAR

A nova montagem da Cia. Curumim Açu no Teatro do Clubinho, no Londrina Norte Shopping, traz ao palco o espetáculo “O Rapto das Cebolinhas”, texto original de Maria Clara Machado. A escritora e dramaturga brasileira é autora de famosas peças para crianças e fundadora do Teatro Tablado, uma das maiores escolas de teatro do Brasil, responsável pela formação de várias gerações de atrizes conhecidas como Marieta Severo, Louise Cardoso, Drica Moraes, Malu Mader e Cláudia Abreu.

A escritora ainda hoje é considerada por muitos a maior autora de teatro para crianças e uma das maiores na literatura infantil do país. Sua obra permanece viva e se renova cada vez que uma companhia de teatro encena algum de seus textos e toda vez que algum pequeno leitor folheia seus livros. As histórias de Maria Clara Machado encantaram gerações de crianças e continuam conquistando aqueles que se permitem conhecer e se aproximar de sua obra.

A Cia Curumim Açu e o Teatro do Clubinho, que desde o inicio do projeto, há dois anos, têm trazido ao público clássicos do universo da literatura feita para crianças, têm o prazer de incluir o nome de Maria Clara Machado em seu repertório de montagens e produções inéditas, diz a produtora Katja Vignard.

“O Rapto das Cebolinhas” estreia neste sábado (4) – com apresentações no mês de maio, sempre aos sábados e domingos – para que o público do Clubinho que ainda não conhece a autora possa se encantar com a obra de Maria Clara Machado. Quem já conhece, vai poder se deliciar com o humor perspicaz da autora.

Mistério e aventura

Na história tudo começa num dia corriqueiro na horta do Coronel José Felício dos Reis, que ama sua plantinhas, mas, em especial suas cebolinhas da Índia. Tudo ia bem até que, misteriosamente, um de seus três pés de cebolinhas desaparece da noite para o dia. Sua neta Lucia e o seu mascote Gaspar farão de tudo para ajudar o Coronel Felício a recuperar sua rara e preciosa plantinha.

Mas os planos da menina e do cachorro esbarram na chegada do enigmático e atrapalhado detetive Camaleão Alface, que se oferece para investigar o caso, causando ainda mais confusão. Quem será capaz de resolver este mistério? A plateia, certamente, vai ajudar os personagens a decifrarem o mistério em uma aventura que só o universo teatral oferece.

A produtora da peça diz que a motivação principal para a produção do espetáculo foi o sucesso obtido com a encenação de “Chapeuzinho Amarelo”, de Chico Buarque de Holanda. Ela conta que aprofundou a pesquisa sobre textos de autores nacionais e se deparou com a obra cativante de Maria Clara Machado. “Ela simplesmente é considerada a maior autora de teatro para crianças no Brasil. Tem um repertório de peças infantis maravilhoso, algumas muito conhecidas como “Pluft, o Fantasminha” e “A Bruxinha que Era Boa”.

“Buscamos um texto que pudesse ser adaptado e encenado em nosso espaço e nos encantamos com “O Rapto das Cebolinhas”, que mistura mistério, imaginação e “história de detetive” – o que toda criança adora”, comenta, acrescentando que a liberação para encenação do espetáculo foi dada pelos herdeiros da autora através da Abramus (Associação Brasileira de Música e Artes). “É a primeira vez que este espetáculo é exibido em Londrina. Estamos muito felizes em apresentá-lo no palco do Teatro do Clubinho”, conclui.

 

Ficha técnica – “O Rapto das Cebolinhas” (Maria Clara Machado)

Elenco: Danilo Neiva; Marco Antonio Paixão; Carol Alves, Olifa Ollon.

Texto Original: Maria Clara Machado

Adaptação: Olifa Ollon

Direção: Coletiva

Figurino: Alex Lima

Costureira: Maria José da Silva Higa

Cenografia: Alex Lima; Olifa Ollon

Produção: Atmosfera Eventos

Produção geral: Katja Vignard

Fotos: Roberto Francisco

Serviço – Os ingressos no Teatro do Clubinho custam R$ 15 e podem ser adquiridos no site sympla.com.br/teatrodoclubinho ou na bilheteria do teatro, a partir das 14h nos dias das apresentações. Crianças de até 4 anos e pessoas com necessidades especiais têm direito a acompanhante, com pagamento de apenas um ingresso. As apresentações são sempre aos sábados e domingos, em sessões às 16h e 18h.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor entre com seu nome aqui