Início Cultura FILO 50 ANOS lança campanha de arrecadação

FILO 50 ANOS lança campanha de arrecadação

68
0
COMPARTILHAR

O Festival Internacional de Teatro de Londrina (FILO) iniciou uma campanha de arrecadação junto a pessoas físicas e empresas para levantar recursos buscando fomentar a programação artística da edição deste ano, quando serão comemorados 50 anos de espetáculos e atividades artísticas. A iniciativa FILO 50 anos – Eu quero! Pretende levantar doações e patrocínios diretos ou pela Lei de Incentivo à Cultura, conhecida como Lei Rouanet. O FILO 2018 será realizado de 20 a 28 de outubro, com uma extensão no mês de dezembro. Informações no endereço FILO 50 anos. Ou pelo telefone (43) 3324-1397 ou pelo e-mail contato@filo.art.br.

A doação ou patrocínio direto poderá ser feita em nome da Associação dos Amigos da Educação e Cultura Norte do Paraná (Àmen), com depósito via Caixa Econômica Federal. A doação pode ser feita por pessoas físicas ou jurídicas. O comprovante de depósito ou transferência deve ser enviado para o e-mail central@filo.art.br, para que o doador tenha o recibo. Pela Lei Rouanet, empresas (pessoas jurídicas), desde que tributadas pelo Lucro Real, podem aplicar até 4% do Imposto de Renda devido em projetos culturais. Já as pessoas físicas, desde que façam a declaração completa do Imposto de Renda, podem aplicar até 6% do Imposto de Renda devido. A página do FILO orienta possíveis investidores a fazerem sua doação, por meio de formulário. Histórico

Em entrevista coletiva realizada no último dia 10 de agosto, o diretor da Associação dos Amigos da Educação e Cultura Norte do Paraná (Àmen), Luiz Bertipaglia, antecipou a necessidade de uma ampla campanha visando alavancar fundos para a edição dos 50 anos do Festival. Segundo Bertipaglia, este ano os organizadores captaram R$ 350 mil, de um total previsto de R$ 1,65 milhão. Os dois maiores patrocinadores, Petrobrás e Caixa Econômica Federal, não confirmaram investimentos nesta edição.

De acordo com o diretor da Àmen, o problema maior ocorreu com a estatal de petróleo, que desde 2003 era patrocinador master, que teve problemas com a Lei das Estatais. Os únicos recursos confirmados até o momento são provenientes da Lei Municipal de Incentivo à Cultura (Promic) de Londrina. A UEL também já confirmou apoio por meio da cessão de espaços físicos, entre eles o Cine Teatro Ouro Verde, além do pessoal da Prefeitura do Campus (PCU), que atuará na logística, contribuindo para o transporte e montagem dos espetáculos.

Foto: Concerto Pour Deux Clown, Les Rois Vagabonds (Filo 2017/Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário!
Por favor entre com seu nome aqui